mukeka di fristo

Os anos passam e o Mukeka di Rato continua sendo uma das minhas bandas prediletas!

Eles tiveram fases diferentes, formações, gravadora, mas sempre o espírito da parada foi o mesmo!

Tenho sorte de ser amigo pessoal do Mozine e poder contar com eles em vários projetos… Agora, acabei de conversar com ele sobre o disco novo do Mukeka: Atletas de Fristo!

O quarteto disponibilizou o som (que deu nome ao CD) exclusivamente na TramaVirtual e o álbum vai ganhar o mesmo rumo no fim do mês.

Então pra você que gosta de navegar no site e de um hardcore nacional, autêntico e sem pose (nos mais variados modos possíveis) clique aqui e ouça, baixe gratuitamente!

Já adianto que o disco ficou ANIMAL!

ps* na entrevista o Mozine explica o quê diabos é Atletas de Fristo!
ps** o lançamento do disco será no Hangar 110 no dia 07/05 e além de Mukeka terá Inkognitta, Undertow, La Revancha e In Your Face.

12 pensamentos sobre “mukeka di fristo

  1. crack ta tomando conta bicho… pra todo lado
    se pa o maluco q pregou bala na escola hoje la no RJ tava nessa ae, locao de tudo…

    mas boto fe que o disco ta fino!

  2. E ae Tibiu! blza mano?!
    É foda…droga é uma desgraça e essa porra de crack acabando com tudo,o #MDR podia tocar um dia no programa da Sonia Abrão,ia ser legal esse alerta! e ela também ia adorar,ia ter assunto pra 2 meses!

    Mas aí,tá muito foda como sempre o Mukeka,Parabéns aos “4 Calaveiros do Alopapicse” e quem continue com esse maravilhoso som de sempre!
    E pode deixar que vou baixar pelo site da Trama pros caras ganharem um troco!
    Abrá!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s