surf trash attack!

Há exatamente dois anos o chiveta chegava ao mundo… virtual! De lá pra cá muita coisa aconteceu, amizades (e inimizades) nasceram, bandas começaram (e acabaram), e muita risada foi dada por aqui…

Apesar do fundo realmente jornalístico, ele nasceu como um hobby, por total diversão, sem saber onde ia chegar. Sem que haja um retorno financeiro, o chiveta já proporcionou coisas que não têm preço.

Ainda assim, uma frase — atribuída à grande Cacilda Becker — tem o espírito do zine (sim, zine como fazia nos anos 90, não blog, ok?) e ela é mais ou menos assim: Não me peça para te dar, a única coisa que tenho para vender!

Forte, sincera e verdadeira, ela quase foi dita a diversas pessoas e bandas (de pequeno, médio e, sim!, grande porte) que pediram trabalhos de graça.

Fica aqui o desabafo — inclusive em nome de todos jornalistas, tradutores, fotógrafos, designers, enfim, profissionais que tiveram seu trabalho comparado ao nada quando ouviram a tentadora oferta de ganhar um zero em sua conta bancária!

Enfim, vamos ao ritmo de festa que é o que importa!

No ano passado, assopramos nossa primeira velinha com a coletânea chivetarama one …in a million disponibilizada para download gratuito [clique aqui!] onde reunimos 16 bandas/artistas.

Este ano além do lindo banner acima, temos (também para download gratuito!) o álbum do grupo de um de nossos melhores amigos, o Rogério (vulgo Japa), que é/foi de bandas como Merda, Morto Pela Escola, Skape, Hillbilly The Kid etc…

Estamos todos em ritmo de Carnaval, certo?! Então que o desse ano seja ao som do Surf Trash Attack, do trio The Barfly Surfers! E que venham mais alguns anos de vida ao chiveta… ou não!

Banda: The Barfly Surfers
Disco: Surf Trash Attack
Resenha por: Ricardo Tibiu

Surf Trash Attack!
Ah, as tríades… Uns preferem sexo, drogas e rock and roll, já Tim Maia inventou seu próprio triatlon (uísque, maconha e cocaína). No punk rock, três acordes são suficientes para fazer belas canções, os Ramones que o digam!

Em 2008, foi formado um trio cuja base principal é surf music, punk e Bukowski e, apesar de situados na capital paulista, emergem de (três, claro!) cidades diferentes: Araraquara, Vila Velha e a própria São Paulo.

Seu nome é The Barfly Surfers e seus membros provém de outras bandas que variam/variavam entre rock, hardcore, metal, grind, country, skate-punk e ska. Com toda essa bagagem, o baixista/vocalista Rogério Japa (Merda, Hillbilly The Kid, Morto Pela Escola, e, ocasionalmente, Mukeka di Rato), o guitarrista Mauricio Matel (Macabra e The DonnyZetts) e o baterista Gustavo FYP (Attack Bastard) fazem como o eterno síndico, criam seu próprio esporte.

No caso do TBS, surfar por entre os estilos já citados, sob influência ainda de garage rock e reggae — e, importante citar, cinema, literatura, cerveja, e a benção de Jah — indo além da selva de pedra (ultimamente Aquassab City).

Entre Novembro e Dezembro de 2009, o trio entrou no Caffeine Soud Studio e com a ajuda de Luis Tissot produziu seu primeiro material. Lançado virtualmente pelos selos Vida Errante Gravações e chiveta NOT records, o álbum Surf Trash Attack ganha vida em 2010, sendo então colocado para download gratuito (com capa e encarte assinados, respectivamente, por Raphael Araújo e Ricardo Tibiu) em fevereiro — festejando o aniversário de dois anos do zine chiveta.

A abertura vem com a faixa que deu nome ao disco, mostrando respeito aos nomes sagrados do gênero, fazendo reverência a Dick Dale, Fuzztones e The Mummies, enfatizando a pegada suja e no ritmo mais acelerado. O mesmo se aplica à Gato Preto (será que o de Edgar Allan Poe, o de Lucio Fulci ou um dos estrelados por Bela Lugosi?), somente com um toque (ainda) mais garageiro.

Sem tempo pra marola, o TBS convida todos a um animado luau ao som de Greens, uma surfbilly que promete agitar a madrugada adentro.

Entre outros, o trio já dividiu o palco com os japoneses Fuck On The Beach e o Roberto Carlos oriental Handsome & The Heartbreakers, os argentinos Los Lotus, os paulistanos Eu Serei A Hiena, os bragantinos Leptospirose e os campineiros Drákula — estes cederam Renan, que por sua vez emprestou seu teremim aos surfistas de bar(fly).

Enquanto o AC/DC embarca na autoestrada pro inferno, em Highway To Mars o TBS pega carona com o Man Or Astroman? rumo ao espaço, porém projetado em uma nave Sabbathiana.

Daria para dizer que O Buk, o Dick e o Pereio seria um canto dos malditos, mas como é uma baita de uma surf music instrumental caprichada, vira uma singela homenagem aos senhores Charles, Dale e Paulo César.

A beat generation de Kerouac surge na progressiva Tristessa, esbanjando energia e latinidade. A psicodelia desta, assim como a de Doidera Vem e Vai, norteia o náufrago/ouvinte que acha que surf music é tudo igual.

O tsunami termina com um bonus track, ops, trash: A Pequena Amsterdan, um reggae metal cantado (aliás, berrado, a única faixa com voz do disco) de tirar o fôlego!

No fim das contas, se é para resumir o The Barfly Surfers em uma tríade, que seja: Surf Trash Attack!

Contatos:
tbsurfers@gmail.com
www.fotolog.com.br/thebarflysurfers
www.myspace.com/thebarflysurfers
www.tramavirtual.com.br/the_barfly_surfers

Links relacionados:
www.myspace.com/caffeinesoundstudio (Caffeine Sound Studio)
www.flickr.com/kickinrats (Raphael Araújo)
www.chiveta.com (chiveta NOT records)

Para baixar o disco, escolha uma das opções abaixo:
Megaupload
4Shared
MediaFire
Badongo
Rapidshare
Sharebee
DivShare
zSHARE

35 pensamentos sobre “surf trash attack!

  1. Parabenzzz por este espaço onde constantemente somos apresentados a noticias sempre encantadoras e podemos mostrar toda nossa falta de bom senso e nosssos comentarios politicamente incorretos……

    ….Longa vida ao chiveta!!!!!!

    Ps.: Poderia rolar o: chivetarama one …in a million II(the return)

  2. 1. valeu Rogério, nóis sempre, nego!
    🙂

    2. pois é, Riva, até pensei em fazer o retorno, mas ainda não foi dessa vez, mas vai rolar sim, claro!

    valeu pelas palavras, aliás, que condizem com a realidade!
    😀

  3. Parabéns, cacete! Faz relativamente pouco tempo que acesso aqui, mas curti demais e tô sempre de olho no que aparece, seja coisa boa, séria ou nonsense, é um dos poucos sites que vejo direto.

    Keep it up! Ah, e o Barfly Surfers arregaça! Preciso conferir ao vivo.

  4. Tibiu…imensamente agradecido por tudo e parabéns ao Chiveta meu querido!!!
    Que 2010 nos traga muitas mais oportunidades de nos encontrarmos pelos bares da vida!!!!
    Como diz o ditado, Chiveta – só quem é!!

    abração

  5. porra mano, é verdade, lembro quando vinha postar aqui lá pelo já distante ano de 2008. E a vez que eu mais me raxei, cheguei até me engasgar com coca-cola, foi a da “pó para com pó aê”…foi hlario.. parabéns ao chiveta, e parabéns as mentes criativas por traz do mesmo, que enchem minha mente de informações bobas, instrutivas e divertidas diariamente…
    AWAY

  6. Pingback: Surf sujo, rock sujo « REVISTA BLACKWATER

  7. aqui chiveta nem rima com punheta!!

    pq tem sempre algo bom pra ”bronhar” na sua mente!!!

    chivetão, saúde mil pra vc, e tudo de melhor nessa parada toda!!!

    acima de tudo, coragem e força, pq tem q ter, senao veio, o suor do trabalho não evapora e acaba afogando nóis nessa merda de monotonia mundana!!!!!!

    abrax mil,

    rey,pf

  8. Pingback: lição do dia! « chiveta ——¬

  9. Pingback: BlocoSe7e Mídias Culturais » Blog Archive » Eu tenho duas notícias, uma boa e outra ruim…

  10. Tibiu!
    Parabéns atrasado pelo Chiveta..
    Desde que comecei a acessar venho quase todo dia por aqui.. Espero e torço pra que continue aí por muitos anos..
    Devia fazer a 2a edição física do Chiveta pra comemorar hein! hehe..
    Sucesso aí!
    Abráá!

  11. Pingback: eu quero uma festa (surf) punk! « chiveta ——¬

  12. Pingback: take me to the b-sides! « chiveta ——¬

  13. Pingback: how did the Mike, get so Fat? « chiveta ——¬

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s