true fake metal

Enquanto algumas bandas forçam uma autoafirmação em um estilo (seja ele qual for), há as que preferem simplesmente caçoar disso. Caso do Inkognitta, grupo paulista que está há nove anos em atividade e acaba de debutar em CD.

inkognitta_vista01

Lançado numa parceria entre Balboa Discos e Pisces Records, A Resposta dos Mais Fracos traz 16 faixas contendo sarcasmo, hardcore, críticas e metal — e um dos discos que mais temos colocado pra rolar aqui!

inkognitta_vista05

Conversamos com o lindo, tesão, bonito e gostosão carismático baixista Shamil (que reparte as letras com o vocalista Fabiano) que contestou o rótulo de black metal de bermuda que demos a eles de brincadeira.

Na Vista 26, que acaba de sair, rolou uma amostra do papo, no site a conversa foi publicada na íntegra. Então, é só clicar aqui e conferir!

ps* mais duas belas fotos gentilmente cedidas pelo camarada Mauricio Santana.

20 pensamentos sobre “true fake metal

  1. Eu sempre falo que eles deviam tocar “Eu não sou nerd” como em outrora… ehuahuahu

    Eu sou suspeito pra falar mas o Inkognitta é uma das bandas que eu mais gosto também, desde a época que tocavámos Martuchos e Inkógnitta juntos toda semana, lá por 2001, 2002, sem qualquer descriminação de estilo!

    Tirando que são feios-que-dói, são uns queridoinhos, viu? ehuehuehue

    abrá!

  2. Valeu aeeeeeee tibiu pela força irmão…. agradeço d coração mesmo….. estamos na correria ae… e só quem vive essa cena sabe como é duro e a ajuda e reconhecimento d pessoas como vc q dão força pra gente continuar..

    valeu mesmo

    agora vê se aparece em algum show kcta..

    heheh

    abraçosss

  3. Pingback: uberVU - social comments

  4. Eu nunca ouvi porque, confesso, não gosto do nome da banda. Parece nome daquelas bandas típicas de abertura de Malhação(PLim! PLim!). Mas depois do termo Black Metal de Bermuda, fiquei curioso.
    😀

  5. 1. acho que lembro desse Martuchos, era da Zona Norte?
    Eu não sou nerd é da demo, certeza!
    🙂

    2. belíssimo, MV!
    😉

    3. legal que você lembrou deles da chivetarama, Arthur!
    dá uma sacada no som deles sim, que é muy bueno!
    🙂

    4. pô Fabiano, imagina cara, tamo aí, você tá ligado!

    pois é, faz tempo mesmo que não vejo um show do Inkognitta! sempre tem algum empecilho!
    😦

    5. pô Shamil, a recíproca é verdadeira!
    😉

    6. pô Marinho, se fosse bandinha jovem ao estilo abertura de Malhação não ia rolar aqui, né?!
    😉

    confere lá o som deles, se você gosta de música brutal, com letras irônicas e tal, vai curtir, certeza!
    🙂

  6. ehuehu pois é… o Martuchos era eu, o Goiaba e o Samuel… hj em dia to tocando no FEIJAOcomARROZ, e o Samuel e o Goiaba tocam no H.E.R.O.

    Somos da Vila guilherme.. maria candida, e afins.. ehuehue

    “Meeeesmooo assim, eu não sou neerd” euahuha

    Tibiu, add ae: gabscatolin@hotmail.com

    abrá!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s